Now Playing Tracks

"Eu triste sou calada
Eu brava sou estúpida
Eu lúcida sou chata
Eu gata sou esperta
Eu cega sou vidente
Eu carente sou insana
Eu malandra sou fresca
Eu seca sou vazia
Eu fria sou distante
Eu quente sou oleosa
Eu prosa sou tantas
Eu santa sou gelada
Eu salgada sou crua
Eu pura sou tentada
Eu sentada sou alta
Eu jovem sou donzela
Eu bela sou fútil
Eu útil sou boa

Eu à toa sou tua.”

E são poucos os que conseguem me despir de mim mesma, dos muros , dos portões que ficam na minha frente. Quase nunca sou aquilo que você vê, é preciso sair tirando as camadas da frente , de uma a uma .

E me perder , e me entregar .. te abraçar , sentir teu cheiro , teu sorriso . Poder te olhar, dizer coisas que nunca disse ,tocar seus olhos, fazer caminhos pelo seu rosto , tocar suas mãos, sentir sua respiração . Me sentir viva, como nunca antes.

E já não me interessa o que passou , o que foi e que já não é. O que mais me importa agora é o que será do que sou hoje, o que aprenderei , o que deixarei de fazer, pensar, falar .. quem irei conhecer, desejar, amar. As estradas que trilhei até hoje, as pedras, as folhas, o vento .. tudo me trouxe até aqui , me preparou pra você.

We make Tumblr themes